Prefeitura Municipal de Erechim - Seminário debate a necessidade a proteção e atendimento aos idosos Evento abordou ações para o envelhecimento com dignidade

">
Conteúdo

https://www.pmerechim.rs.gov.br//noticia/8865/seminrio-debate-a-necessidade-a-proteo-e-atendimento-aos-idosos

19/08/2014

Seminário debate a necessidade a proteção e atendimento aos idosos

Evento abordou ações para o envelhecimento com dignidade

Discutir os temas inclusão, equidade e solidariedade no que se refere às necessidades a proteção e atendimento à pessoa idosa, visando o desenvolvimento de políticas públicas que incluam relação e convivência respeitosa com o público idoso. Este foi o objetivo do Seminário Regional de Capacitação da Rede de Proteção e Atendimento à Pessoa Idosa realizado nesta terça-feira (19) em Erechim.

                O evento faz parte do Programa de Formação continuada em gestão de políticas públicas para os direitos humanos com ênfase em envelhecimento, desenvolvido pela Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos – Rede Escola de Governo do Estado em parceria com a Universidade de Cruz Alta, Secretaria da Justiça e dos Direitos Humanos do RS, com apoio em Erechim, da prefeitura municipal através da Secretaria de Cidadania e do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa.

                O público que lotou o plenário da Câmara de Vereadores foi formado por representantes de entidades ligadas as pessoas idosas entre elas os conselhos municipais, hospitais, universidades, cuidadores de idosos, professores, estudantes, servidores públicos e os próprios idosos que participam de grupos da terceira idade.

                A secretária municipal de Cidadania, Dolores Golin elogiou as pessoas que participam destes grupos. “Vocês são exemplos de envelhecimento saudável”, disse. Segundo ela, o poder público tem a preocupação de oferecer benefícios para que seus moradores tenham uma velhice digna e observou a necessidade de se implantar políticas que livrem os idosos de sofrer agressão por parte de seus familiares devido ao uso de drogas, como tem acontecido com frequência.

                Conforme a diretora de Educação e Formação da FDRH, Necca Steffen, os governos precisam pensar ações para a população idosa – que hoje representa quase a metade dos habitantes de municípios com menos de dez mil habitantes - pois objetiva-se que ela chegue aos 100 anos ou mais.

 

                O presidente do COMID – Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, Joel Szuchman, agradeceu a Secretaria da Justiça e dos Direitos Humanos do Estado por incluir Erechim na rota dos seus seminários. Salientou a presença da região e dos erechinenses no evento, o que comprova como o tema em questão merece atenção dos gestores públicos e da comunidade como um todo.