Prefeitura Municipal de Erechim - Erechim e o Governo do RS se preparam para receber a Tocha Olímpica
Conteúdo

https://www.pmerechim.rs.gov.br//noticia/10437/erechim-e-o-governo-do-rs-se-preparam-para-receber-a-tocha-olmpica

20/11/2015

Erechim e o Governo do RS se preparam para receber a Tocha Olímpica

Município será o primeiro do Estado a receber a chama que percorrerá mais de 300 cidades no Brasil

Erechim e o Governo do RS se preparam para receber a Tocha Olímpica

Município será o primeiro do Estado a receber a chama que percorrerá mais de 300 cidades no Brasil

    O secretário do Turismo, Esporte e Lazer (Setel), Juvir Costella, esteve reunido nesta sexta-feira (20) com o secretário de Comunicação de Erechim, Salus Loch, para dar início aos preparativos do Estado para receber a Tocha Olímpica, a partir de julho do ano que vem. Erechim, localizada no Norte do Estado, será a primeira cidade do Rio Grande do Sul a receber a Chama Olímpica, que deve passar por 25 cidades gaúchas em 6 dias.
    “Estamos trabalhando com o máximo de planejamento possível para que o poder público faça sua parte e o Rio Grande do Sul consiga divulgar seus atrativos turísticos para milhares de brasileiros e estrangeiros no maior evento esportivo do planeta”, afirmou Juvir Costella.
    No dia 4 de dezembro, representantes do Comitê Olímpico Rio 2016 realizarão uma última visita técnica em Erechim. O objetivo da ação é percorrer a rota da Tocha no município para demarcar os locais onde devem acontecer as trocas dos condutores, durante o revezamento do símbolo máximo dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos.
    “Em abril, Erechim faz aniversário e vamos celebrar a data mobilizando mais de oito mil alunos da comunidade por meio de jogos escolares com as modalidades olímpicas. O trabalho de engajamento da nossa comunidade já está em andamento”, frisou Salus Loch que é também responsável pela coordenação da montagem do comitê da Tocha Olímpica na cidade.
    No Brasil, mais de 300 cidades participarão do revezamento, que tem o objetivo de promover o engajamento e integração nacional, por meio do envolvimento de todos os estados brasileiros com o maior evento esportivo do planeta. As cidades de Santa Maria, Pelotas, Caxias do Sul, Porto Alegre e Passo Fundo são as chamadas “Cidades de Celebração”, ou seja, foram escolhidas para a chama pernoitar, após eventos turísticos locais.