Prefeitura Municipal de Erechim - Erechim irá custear 3 de cada 4 reais a serem disponibilizados ao Santa Terezinha Prefeitos aprovam proposta da AMAU e voltam a repassar recursos ao Hospital a partir de agosto 

">
Conteúdo

https://www.pmerechim.rs.gov.br//noticia/10024/erechim-ir-custear-3-de-cada-4-reais-a-serem-disponibilizados-ao-santa-terezinha

24/07/2015

Erechim irá custear 3 de cada 4 reais a serem disponibilizados ao Santa Terezinha

Prefeitos aprovam proposta da AMAU e voltam a repassar recursos ao Hospital a partir de agosto 

Erechim irá custear 3 de cada 4 reais a serem disponibilizados ao Santa Terezinha

Os municípios da AMAU decidiram em assembleia realizada na tarde desta sexta-feira (24) voltar a repassar recursos ao Hospital Santa Terezinha de Erechim, através do pagamento de R$ 200,00 por autorização de internação hospitalar (AIH) emitida. Ainda, caberá a cada município arcar com o custo de R$ 54,00 por pessoa atendida no Pronto Socorro do Hospital.

Desta forma, pelos critérios adotados e conforme a série histórica, Erechim irá custear aproximadamente 3 de cada 4 reais o que representa 75% do que os prefeitos da região deverão colocar no hospital, de agosto até o fim de 2015, prazo de validade da proposta apreciada.

O acordado prevê ainda revisão de contratos médicos em três especialidades, redução do quadro funcional do hospital, garantia de retorno do atendimento da Alta Complexidade, efetiva regulação dos serviços por parte da 11ª Coordenadoria Regional de Saúde e a manutenção de relatórios mensais da evolução financeira e dos serviços prestados, encaminhando o mesmo para avaliação de uma comissão multipartidária formada pela AMAU.

O prefeito de Erechim, Paulo Polis, se absteve da votação por entender que a proposta construída irá onerar de forma bastante impactante o caixa do município, em razão dos critérios adotados. Mesmo assim, frisa Polis, o município fez, faz e seguirá fazendo a sua parte repassando os valores propostos pela AMAU. Neste mês de julho, Erechim já antecipou R$ 2 milhões para socorrer o Santa Terezinha.

 

Ao lado do hospital, município também obteve na justiça vitória para garantir que o Estado pague em dia os valores do contrato com a casa de saúde a partir de julho.